!ARMAS INVENCÍVEIS ----------- ARMAS INVENCÍVEIS!: Fevereiro 2010

domingo, 28 de fevereiro de 2010

CÓDIGO DO DESENCONTRO


O sabor que te fez em mim

se desfez por entre as nuvens
Perdendo o encanto

de tantas entregas agora perdidas
Tirei da gaveta a roupa mais nova,

só pra despedir, ainda solene.
Como foi o encontro,

em um dia qualquer, agora distante.

De encontros sonhados,

prazeres em esperas, de nunca mais!
Desfez-se o encanto,

de tanto desejo se transformando em visões.
Querer- te em meus braços,

no aroma de incensos agora apagados.
Descer das nuvens

em forma de chuvas de gotas amargas.

Surpresa? Quem me dera ainda fosse!
Previsto no código do desencontro e desconfiança.
Que se reparte entre os nefastos e doídos da vida.
Para a preservação de uma espécie em extinção.




Jaak Bosmans




sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

O TREMOR DOS DEMÔNIOS




Há muita coisa que desconhecemos sobre os demônios. Uma delas é a de que eles não acreditam em Deus. Quanto a este aspecto, Tiago é muito claro: “Você crê que existe um só Deus? Muito bem! Até os demônios crêem e tremem!” (Tiago 2:19).

Quantas pessoas vivem com medo dos demônios? Sua explicação: sendo espíritos tão poderosos e essencialmente malvados, os crentes estão a mercê das ruindades que os demônios podem causar. E até atem a Bíblia, dizendo que o Inimigo está sempre ao nosso redor, pronto para nos destruir.

Primeiro o que está certo: os demônios são espíritos; Eles são maus; Eles gostariam de acabar com os crentes. Em nenhum lugar na Bíblia é afirmado que os demônios têm mais poder do que o Senhor. No livro de Jó e em todas as referências bíblicas, fica claro que os anjos satânicos são subordinados ao Senhor. Finalmente, é importante dizer que o Senhor usa as “astutas ciladas” do Maligno no seu processo de aprofundar nossa vida espiritual. Como simples criaturas humanas nós não podemos vencer os demônios. Como crentes em Cristo, recebemos Dele toda a proteção contra os anjos malignos. Quando nós, como cristãos, temos o senhorio de Cristo, o Espírito do Senhor nos protege. E faz os demônios tremerem!

 (Pr. Olavo Feijó)


quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

ASSIM SE CONSTRÓI

Uma relação se constrói com o tempo ...

o amor é o alicerce ...

a confiança e o respeito são a base do assoalho ...

o comportamento diante a relação

corresponde

às paredes que irão formatar a relação.





terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

CRISTÃOS DESCRISTÃOS


Existe alguma derrota, falha, depressão, ansiedade, frustração ou pecado que não tenha suas raízes em descrença?



Deixe-me explicar que o cristão descristão é alguém que é cristão, é nascido de novo, e vai para o céu; o problema é que essa pessoa nunca acre ditou no Senhor Jesus com todo o ser. Isto é, com sua mente ela aceita e acredita o que foi dito sobre graça, cuidado, afeto e amor no Senhor Jesus - ela é cristã. E mesmo assim, ao mesmo tempo, ela sente que está no comando de todos os aspectos de sua vida cristã - ela deve mudar a vida das pessoas à sua volta, transformar sua própria vida, e trabalhar duro para agradar a Deus. Quer dizer, em suas emoções ela é descristão.



As igrejas hoje estão cheias de cristãos descristãos: com suas mentes correm PARA Deus, mas com suas emoções correm DE Deus.



Lá foi dito que a descrença e a mãe de todo pecado! Quando sentimos o peso das preocupações sobre nossos ombros, e uma vez mais cortejamos o pecado que pensávamos estar longe, quando nos distanciamos dos que nos amam, e nos encontramos voltando para o mundo, não é a descrença, a causa? Não é essa a raiz de todo o mal? "... contudo, quando vier o filho do homem, achará, porventura, fé na terra?"





(Mike Wells)


segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

DESCULPAS E RESPOSTAS





Algumas desculpas e respostas que

alguns dão para justificar um divórcio:




1 - Eu simplesmente não posso suportar meu cônjuge nem mais um minuto!

- Este apelo por compaixão e a sua compreensão abrange uma variedade de descontentamentos e pode ser bastante persuasivo. Mas descontentamento, impaciência, tédio, obstinação, estar quase enlouquecendo, ou qualquer outra desculpa comum, NÃO É UM MOTIVO ACEITÁVEL PARA O DIVÓRCIO, de acordo com o Senhor.



"Ai dos filhos rebeldes, diz o Senhor, executam planos que não procedem de mim e fazem aliança sem a minha aprovação, para acrescentarem pecado sobre pecado!" (Isaias 30.1)



Portanto, se algum crente diz que não suporta seu cônjuge e vai procurar ajuda nos tribunais humanos, deveria lembrar que se alguém teve real direito de fazer tal renúncia foi nosso Salvador. Ele sim, teve que suportar a traição, o abandono, a idolatria e o adultério do seu povo.



2 - O Nosso Amor um pelo outro acabou para sempre

"Eu nem sei o que é amor". "Nós não nos amamos mais".
Isso mostra que essa pessoa não se importa quando nega o amor de Cristo. O que torna o amor de Cristo tão distintivo? O que torna o amor de um crente tão exclusivo?

O AMOR é fruto do Espírito.
Cristo nos mandou amar ATÉ aos nossos INIMIGOS!

Quando alguém diz que o amor acabou, ele dá a entender que NUNCA existiu. Pois Deus ordena amemos uns aos outros, especialmente aos nossos cônjuges.



3 - Nós Somos Incompatíveis

Outra desculpa EXTRA BÍBLICA. "Nós não nos damos mais bem".
Dois crentes casados SÃO uma só carne! Portanto como diz odiar sua própria carne!??? (Efesios 5.29a).

Incompatibilidade de casamento não existe na vida de um crente verdadeiro.

Quando dois crentes casados se tornam totalmente submissos a Jesus como Senhor, eles recebem a comunhão necessária para a vitória sobre qualquer tipo de incompatibilidade.

Quando seguimos o Plano de Deus no casamento, realmente podemos eliminar a necessidade de divórcio.


"Deixará o homem o seu pai e sua mãe e se unirá à sua mulher,
e se tornarão os dois uma só carne"

(Ef. 5.29-31)



"Uma só carne" não pode ser contrária a si própria!

A incompatibilidade mostra a falta de uma espiritualidade, e essa espiritualidade Deus dá somente quando Cristo é SENHOR. E o divórcio por este motivo também, nega o senhorio de Cristo.



4 - Esta é a Única Saída!

Deus sabe que as nossas soluções nem sempre coincidem com a Sua soberana vontade.

Ele diz "porque os seus pensamentos não são os meus pensamentos, nem os vossos caminhos os meus caminhos, diz o SENHOR, porque assim como os céus são mais altos que a terra, assim são os meus caminhos altos que os seus, e os meus pensamentos mais altos que os seus". (Isaias 55.8-9). O divórcrio é a negação da graça de Deus que nos foi dada.

Geralmente as pessoas que apresentam essa desculpa, sinceramente deveriam nem ter casado.


Há outros que afirmam que o divórcio é a única saída, simplesmente deixando de ouvir Deus. Eles lêem pouco as Escrituras. A ignorância da vontade de Deus sempre leva ao pecado. Quando desprezamos a sua direção e ficamos com a nossa, nos envolvemos em auto-confiança iníqua que nos rouba a confiança em Deus.

Sem confiança em Deus, retemos a escuridão, ignorância e maldade em nossos corações e vida.

A ignorância da vontade de Deus leva ao fracasso.

Nessa hora as pessoas que querem se separar nesse ponto afirmam que "oraram" e que o divórcio é a única alternativa. Porém quando essa desculpa está eminente, frequentemente essa pessoa deixou de orar há muito tempo.


Deus quer que saibamos que o que Ele juntou permanece unido, mesmo que recorramos ao engano dos homens.


Pedir a Deus que Ele mude a sua idéia sobre o divórcio é simplesmente uma idéia absurda e é negar a completa solução de Cristo. Isso nunca funcionará.

Hebreus 12.15-17 - Atentando diligentemente por que ninguém seja faltoso, separando-se da graça de Deus, nem haja alguma raiz de amargura que brontando, vos perturbe, e por meio dela, muitos sejam contaminados; nem haja algum impuro ou profano, como foi Esaú, o que vendeu seu direito de primogenitura. E posteriormente quis receber a bênção, mas foi rejeitado, pois não achou lugar de arrependimento, embora com lágrimas tivesse buscado.



5 - O Meu caso é Diferente!

Isto é armadilha! Os sintomas podem variar, mas todos os casos são iguais pois todos surgem de um endurecimento ou reendurecimento do coração. Isto é, a pessoa tem um sério problema espiritual. Por isso a reafirmação de que a causa básica para todos os divórcios é a mesma:


é a falta de fervor espiritual.





Todos os casos são iguais no sentido de que tanto o crente como o incrédulo pecam quando se divorciam.

(Lucas 12.47)





6 - Certamente nosso casamento foi um erro

Há muitos que tentarão explicar que "Deus nunca nos uniu, que o noso casamento nunca deveria ter ocorrido, que foi um erro".

Afirmações como essas não são de Deus, quando a Biblia diz "o que Deus ajuntou, não o separe o homem" (Mateus 19.6).

Se assim fosse verdade, esta pessoa estaria se condenando em vez de se libertar. Se Deus nunca ajuntou, então ninguém mais o fez também.

O casamento é uma instituição divina, de Deus, não uma invenção do homem; e um casamento ordenado por Deus deve durar a vida toda.

Esta desculpa não é um argumento nem motivo para divórcio.




Existe uma variedade de desculpas para desobedecer a Deus através do divórcio. A nossa vida sexual está morta. Estamos endividados, etc. etc.

Devemos apresentar o casamento a Deus para que forças malignas sejam tiradas de suas vidas.
O cônjuge visivel, de carne e sangue não é o problema básico! O problema verdadeiro é a aridez espiritual que abre o caminho para o trabalho do diabo.



(baseado no livro Divorcio à luz da Biblia)




AME...



Quando o amor é a base para nosso relacionamento com Deus e com o próximo, sempre haverá a possibilidade de mudanças, principalmente quando essa mudança começa em mim.
Aprenda a Mudar!
Permaneça para Mudar!
Ame para Mudar!
Os relacionamentos podem melhorar e na maioria das vezes nós é que temos que mudar.






domingo, 21 de fevereiro de 2010

O SOCORRO DE DEUS




"Levantarei os meus olhos para os montes, de onde vem o meu socorro. O meu socorro vem do Senhor que fez o céu e a terra..."
(Salmos 121)




A proteção de Deus para nossas vidas é garantida através da sua palavra, o cuidado e o socorro fazem parte do caráter de Deus e Ele nunca falha. Há momentos em nossas vidas que temos a convicção de que Deus não está nos ouvindo ou que talvez esteja indiferente ao nosso sofrimento, mas isso não é verdade, Ele está atento a tudo e aguardando apenas o momento certo de agir. O vinho vale mais do que a uva, o azeite vale mais do que a azeitona, o ouro é mais puro e brilhante depois de queimado em altas temperaturas. A uva precisa ser esmagada para se tornar vinho, a azeitona precisa ser espremida para ser tornar azeite e o ouro só é refinado no fogo. Assim somos nós se não formos provados e desafiados não é possivel se manifestar o melhor de Deus em nós. Diante das crises muitas coisas se revelam e isso determina a qualidade da tua fé. Você pode estar sendo desafiado hoje e o desafio ser para você uma pedra de moinho para que amarre no pescoço e se jogue no mar, ou uma base e alicerce para subir mais alto, só depende de você. Você pode hoje olhar para baixo e ver o fundo do poço ou para o céu e ver de onde vem o teu socorro. Que dias maus virão todos nós sabemos, mas como vamos passar por ele nós é que decidimos, se animados pela fé ou desanimados pela incredulidade. Cansar até podemos, mas parar - Nunca! Use as circunstâncias a teu favor, reverta isso lançando a Palavra que é luz contra essa escuridão que está à sua frente e depois diga: "Eu sei que o meu Redentor Vive."
Que Deus te abençoe!


(
Servos de Deus faz Missões)


sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

MINHAS 4 ESTAÇÕES


Eu me preparava para encontrá-lo


no outono da minha vida


E tudo o que colhi


foi uma terrível seca de verão


Meu inverno não fora suficiente


Para adornar de flores


a primavera dos meus sonhos...


E só estou...


Sem você


Sem as flores


Sem verão


Sem as chuvas que regam


E... sem meus sonhos...





(um momento mulher em minha vida)






.

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

ILUSTRAÇÃO

.
.
.
.
.
.
.




Às vezes quando ouvimos uma palavra de Deus queremos usar nosso próprio raciocínio para decidir o que Ele quer, quando, o que Deus realmente quer é apenas uma simples obediência e fé nEle. Com certeza, devemos ter a fé que pode mover montanhas, mas lembrar ainda que quem de fato move as montanhas é Deus.


(Ilustração Max Lucado)
.
.
.
.
.
.
.


EU TE AMEI







Amaste-me com palavras e com tua imaginação, enquanto te amei com verdades e com toda minha paixão.










DEUS É INVENCÍVEL!









NUNCA PARE DE LUTAR
(Ludmila Ferber)






This Blog is best viewed
in 1024 x 768 pix.

Este Blog é melhor visualizado
em 1024 x 768 pixeis.






- TRADUZA AQUI - TRANSLATE









- PROCURE AQUI -


NESTE CAMPO



AQUI ESTÃO
REVELAÇÕES DE DEUS,
DESAFIOS FAMILIARES,
DESAFIOS DE FÉ
ARMAS DE DEUS...
ARMAS INVENCÍVEIS.

ENTRE